Estado libera R$ 3,4 milhões para municípios em situação de emergência

Com o intuito de garantir o atendimento das demandas da população atingida pelas enchentes dos últimos dias, o Estado de Minas Gerais anunciou o pagamento antecipado do Piso Mineiro de Assistência Social Fixo a 101 cidades que registraram problemas ocorridos em função das chuvas. De acordo com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), o recurso de R$ 3,4 milhões já está liberado para os municípios que foram relacionados na lista de situação de emergência declarada pelo Estado.

Na região, receberam o montante cidades como Carangola, Cataguases, Divino, Dores do Turvo, Ervália, Espera Feliz, Fervedouro, Guidoval, Manhuaçu, Miradouro, Muriaé, Tocantins, Rombos, Ubá e Visconde do Rio Branco, entre outras. Outros 83 municípios também solicitaram ajuda do Governo e aguardam possível liberação de recursos. Veja a lista.

LEIA MAIS: Prefeituras de região contabilizam estragos causados pela chuva

Das 101 cidades em que o Governo do Estado declarou situação de emergência, 44 integram a região de planejamento estadual Mata, que, basicamente, engloba a Zona da Mata (ver mapa).

Caixa oferecerá medidas

A Caixa Econômica Federal também anunciou, nesta terça-feira (28), uma série de medidas em apoio aos estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro. Os benefícios serão disponibilizados para os municípios que decretaram situação de calamidade pública ou de emergência.

Entre as providências, o banco irá estender o horário de atendimento das unidades, além de deslocar caminhões que funcionam como agências itinerantes para reforçar o atendimento nas cidades. A Caixa fará, ainda, remanejamento de empregados baseando-se na demanda por atendimento e negócios em cada localidade.

 

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: