Guarda Municipal de JF é habilitada pelo Ministério da Justiça

A Guarda Municipal de Juiz de Fora foi habilitada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública do Governo federal a firmar convênios e receber recursos financeiros da União. Com a habilitação, Juiz de Fora entra para a lista das cidades em condições de pleitear financiamento para projetos na área de segurança e firmar convênios com demais órgãos do setor, inclusive com o próprio Governo federal.

De acordo com a Prefeitura, a avaliação feita pelo Ministério para a concessão do termo de aptidão passa, principalmente, pela total regulamentação jurídica da instituição, tendo diversas etapas de comprovação documental. Soma-se a isso o respaldo de órgãos de controle social, como a preexistência de ouvidoria, corregedoria e Conselho de Segurança no Município.

Em todo o país, apenas 38 cidades conseguiram cumprir as etapas de regularização. A lista fica mais seleta ainda no nível estadual, onde somente quatro guardas mineiras foram consideradas aptas: além de Juiz de Fora, os grupos de Guaxupé, de Lagoa da Prata e de São João Del Rei. Mais de 900 guardas se encontram sob avaliação.

Para a Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), a habilitação representa o reconhecimento ao trabalho desenvolvido pela pasta. “A conquista evidencia o cumprimento do papel institucional da Guarda quanto aos seus valores e missão estabelecidos. Temos hoje na Sesuc o plano de ação 2019/2020, com metas definidas. Estamos no processo de implementação do Conselho Municipal de Segurança e elaboração do Plano Municipal de Segurança”, destacou o secretário da Sesuc por meio da assessoria da PJF, José Sóter de Figueirôa Neto.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: