Prefeitura de Juiz de Fora ativa leitos de UTI para pacientes com Covid-19

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) anunciou, nesta segunda-feira (19), a criação de mais dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na Fundação Instituto Clínico (IBG), antigo Hospital João Felício. Com os novos equipamentos, a cidade passa a contar com 168 leitos para atendimento de pacientes com Covid-19 pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com a Secretaria de Saúde (SS) da PJF,  desde janeiro deste ano houve um aumento de 68% nos leitos de UTI, com a criação de 68 vagas neste período. Além dos novos leitos no IBG, Juiz de Fora conta com os equipamentos distribuídos da seguinte forma: 36 leitos no Hospital Ana Nery; 13 no Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal de Juiz de Fora; 10 no Hospital de Pronto Socorro Mozart Geraldo Teixeira (HPS); 10 na Santa Casa de Misericórdia (SCM-JF); 10 no Hospital São Vicente de Paulo (HSVP); 20 no Hospital Regional Dr. João Penido (HRJP); 20 no Monte Sinai; 30 na Maternidade Terezinha de Jesus (HMTJ); e 9 no Hospital Albert Sabin.

Como destacado pela administração municipal, “a ampliação busca garantir o acesso da população que precisar, neste momento de epidemia, de internamento em UTI”.

Por volta de 11h30 desta segunda, o Painel Covid-19, que disponibiliza atualizações sobre a pandemia na cidade, indicava que 523 pessoas estavam hospitalizadas com a doença. A taxa de ocupação da UTI-Covid SUS era de 88,61%, enquanto a ocupação da enfermaria estava em 74,46%.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: