Militares da região participam de treinamento para atuação em catástrofes

Militares da 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha, sediada em Juiz de Fora e responsável por quartéis da cidade, de Petrópolis (RJ), São João del-Rey e Belo Horizonte, participarão de um simulado em Petrópolis que visa aumentar a eficiência na pronta resposta em calamidades públicas. A atividade está estruturada dentro de um cenário fictício de caos, onde seria necessário o emprego das Forças Federais em apoio integrado aos órgãos locais. A atividade começa nesta terça-feira (1º de outubro) e segue até o fim da semana.

Conforme o Comando Militar do Leste (CML), sediado no Rio de Janeiro, “a principal finalidade da simulação é aumentar a integração e a coordenação com todas as agências que fazem parte do Sistema de Defesa Civil, bem como validar a capacidade da Força de Apoio à Defesa Civil do CML para atuar nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo”.  De acordo com o CML, a situação hipotética do exercício considera que, recentemente, fortes chuvas atingiram a Região Serrana, historicamente afetada por fenômenos climáticos adversos, como a tragédia de 2011, que deixou quase mil pessoas sem vida. Na época, o Governo do Estado do Rio de Janeiro decretou Estado de Calamidade Pública e solicitou apoio ao Governo Federal.

A 1ª Divisão de Exército, coordenadora da simulação, prevê o emprego aproximado de 800 militares do Exército, além de integrantes do Corpo de Bombeiros, agentes municipais de Defesa Civil, dentre outros participantes. Viaturas militares e equipamentos especializados de engenharia serão utilizados para transporte de equipes e tarefas simuladas de remoção de escombros.

A maior parte da tropa empregada será da 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha, com sede em Juiz de Fora (MG), principalmente do 32º Batalhão de Infantaria Leve de Montanha, sediado em Petrópolis. De acordo com a assessoria da 4ª Brigada de Infantaria, o comandante da Brigada, general Alcio Costa, já está em Petrópolis junto com seu estado maior para acompanhar o exercício. Ao final da atividade, o CML terá uma tropa com capacidade de contribuir com maior eficiência na pronta resposta às calamidades que possam ocorrer no futuro.

A ação será feita pelo CML e conta com a cooperação da Secretaria de Estado de Defesa Civil do Rio de Janeiro, da Secretaria de Proteção e Defesa Civil do Município de Petrópolis e de outras instituições.

Ação social finaliza atividade

Na sexta-feira (4), para encerrar a atividade, militares da 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha farão uma ação social na área onde ocorre o exercício. Serão oferecidos à população de Petrópolis e região atendimento básico de saúde, noções de cidadania, atividades esportivas, corte de cabelo e orientações gerais sobre medidas emergenciais relativas aos desastres naturais, combate ao feminicídio e preservação ambiental. Haverá ainda consulta veterinária para os pets, regularização de situação e emissão de certificados de serviço militar, orientações sobre saúde bucal, confecção de refeições sustentáveis, brincadeiras e entretenimento para crianças.

O post Militares da região participam de treinamento para atuação em catástrofes apareceu primeiro em Tribuna de Minas.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: