Polícia registra seis assaltos em menos de 18 horas

Seis roubos de celulares foram registrados em Juiz de Fora entre a manhã e a noite desta sexta-feira (3). Somente durante a tarde, foram três ocorrências. O último caso aconteceu na Zona Sul. Informações repassadas pela PM dão conta que a vítima, de 20 anos, estava parada na Rua Belmiro Braga, no bairro Alto dos Passos, e que, por volta de 23h30, um homem se aproximou e o rendeu com uma faca, exigindo o celular do jovem. Diante da negativa da vítima, o suspeito sacou a faca da cintura, momento que o jovem entregou o aparelho. O bandido fugiu correndo e não foi encontrado durante rastreamento.

No Bairro Poço Rico, região Sudeste, dois ladrões renderam uma estudante, 16, e a agrediram, no momento em que ela seguia pela Rua da Bahia, próximo ao número 170, pouco depois das 17h30. Conforme informações do BO, um dos suspeitos aplicou-lhe um golpe, conhecido como “gravata”, e retirou o celular que estava no bolso dela. Eles ainda teriam ameaçado a estudante, ordenando que ela voltasse para o local de onde estava vindo. A garota contou à polícia que, no momento da ação dos bandidos, sentiu um objeto pontiagudo nas costas, mas não soube informar se era arma de fogo ou faca. Apesar das buscas, os criminosos não foram encontrados.

Ainda no Poço Rico, um homem, 38, teve a mochila, o cartão de ônibus, o celular e a quantia de R$ 6 levados por dois indivíduos. O roubo ocorreu quando a vítima urinava próximo à linha férrea, no cruzamento da Rua da Bahia com a Espírito Santo. A dupla aplicou um “mata-leão” no homem e o arremessou ao chão, pegando seus objetos e fugindo logo depois. A PM acredita que os assaltantes sejam os mesmos que praticaram o crime contra a garota de 16 anos, devido ao modus operandi semelhante.

Horas mais cedo, por volta de 12h30, um estudante, 15, também teve o celular roubado. De acordo com o registro policial, a vítima havia acabado de sair do colégio e seguia pela Rua Halfeld quando foi surpreendida por um homem, que lhe segurou pelo braço dizendo estar em posse de uma faca, exigindo todos seus objetos para que não fosse ferida. O adolescente, com medo de sofrer alguma lesão, entregou o celular e a carteira. O valor levado não foi informado pela PM. Foi realizado rastreamento, sem êxito. Minutos depois, uma estudante, também de 15 anos foi assaltada enquanto aguardava o ônibus em um ponto na Avenida Presidente Itamar Franco, no Bairro São Mateus, região Sul . O criminoso aproximou-se da garota e roubou seu celular alegando que tinha conhecimento do local em que ela estuda e, caso resistisse, ele a mataria. Após pegar o objeto, o homem fugiu pela Rua Francisco Brandi, sentido ao Centro, e não foi localizado. Conforme informações do boletim de ocorrência, durante as buscas, o suspeito, 19, foi localizado e reconhecido pela vítima. O celular foi recuperado.

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora / MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: