Cerca de 13 bancos são explodidos por mês em Minas. Para combater este crime Policias Civil e Militar se unem.

Com o intuito de coibir a ação de criminosos contra caixas eletrônicos, os órgãos de segurança pública da região Centro-Oeste se uniram para estabelecer ações de cunho preventivo e repreensivo.  Os órgãos de Segurança Pública da região lançaram hoje uma. A medida é devido ao anúncio do governador Fernando Pimentel de criar uma força-tarefa em todo o estado com o intuito de combater este tipo de crime.

O balanço aponta até agora 13 ataques a agências por mês em Minas Gerais. O equivalente a um caso a cada 2,2 dias. De janeiro a setembro foram computadas 120 ações desta natureza. O número é 26,5% menor em relação ao mesmo período de 2016, quando foram 189 ocorrências, mas ainda assim é preocupante.

As polícias Civil e Militar desempenharam equipes para trabalhar diretamente com este tipo de ocorrência. A PM, por exemplo, vem atualizando os treinamentos de armas de alto impacto e intensificando as operações. A polícia também vai tentar implantar na região a tecnologia OCR, um sistema de leitor de placas veiculares, para identificar os criminosos.

De acordo com a Polícia Civil, 3 grupos criminosos já foram identificados na região. Para ajudar nas investigações e conclusões dos inquéritos, um grupo de apoio será formado e atenderá todos os municípios que fazem parte do 7º departamento. A ideia é diminuir a incidência deste crime nas cidades do entorno de Divinópolis.

Postado originalmente por: TV Candides

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: