Programa E-Social pretende coibir fraudes

O projeto E-social será uma base para a receita federal gerenciar todos os dados de empresas e trabalhadores. Neles estarão integradas todas as informações da receita federal, caixa econômica, INSS e Ministério do Trabalho.

Para o funcionamento correto do E-social, muitas empresas tiveram que modificar as metodologias. Um exemplo são as de gerenciamento de programas de computador, responsáveis por enviar dados ao Governo Federal.

No caso da empresa do ertinho, que tem 12 funcionários trabalhando no seguimento de desenvolvimento de sites, gerenciar o pessoal é tarefa mais simples, porém, para as grandes  empresas, deve ser o grande  desafio.

Com a implantação do E-social, cerca de 300 escritórios de contabilidade precisam readequar o método de trabalho, principalmente integrando as informações. E pra isso, as empresas deverão ser coerentes com os dados repassados.

Em contrapartida, o funcionário também deverá manter, periodicamente, as informações totalmente atualizadas, como endereço, telefone de contato. Com a implatação do E-social, o objetivo do governo é evitar principalmente fraudes.

Os MEI’s (Microempreendedores individuais) tem até o próximo dia 15 de julho para alinhar todas as informações e se integrar ao sistema E-Social, do Governo Federal.

Postado originalmente por: TV Candides

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: