Idoso com vários problemas de saúde morre em presídio de Tupaciguara e família pede justiça

(Imagem: Arquivo Pessoal)

José Matias Araújo, de 72 anos, morreu no Presídio de Tupaciguara. Ele tinha vários problemas de saúde e a família afirma que o idoso não recebeu assistência médica necessária. Os parentes pedem justiça pelo homem.

De acordo com a família de José, o homem foi preso no dia 14 de novembro. Ele era dono de um bar e estava atendendo a manhã inteira um cliente que não parava de consumir bebidas alcoólicas. Por volta das 12h, o freguês começou a ficar agitado e quebrou mercadorias do estabelecimento, além de ter feito ameaças as pessoas que estavam no local. Os parentes de José afirmaram que, na tentativa de se defender, o homem pegou uma arma de fogo e realizou disparos aleatórios, sendo que um atingiu o cliente que estava fazendo a bagunça. Ele foi preso e passou um dia na delegacia, tendo sido transferido para o presídio no dia seguinte. Na semana passada, familiares receberam a notícia de que o homem morreu por causa indefinida. “Levaram meu pai para um isolamento em Tupaciguara, falaram que ia ser só ele por causa da idade, mas deixaram ele junto com outros presos. Não deram suporte médico. Nós falamos e meu advogado explicou que meu pai tinha problemas cardíacos, de pressão”, contou o filho de José. Ele também afirmou que foi até o presídio levar os remédios do pai, mas ninguém deixou que a medicação fosse entregue.

Por conta dos problemas de saúde do idoso, o advogado fez dois pedidos para que José cumprisse prisão domiciliar, mas nenhum foi aceito. Os filhos de José também afirmam que não receberam a notícia da morte do pai no dia em que o óbito ocorreu. “Eles não passam informação. Meu pai foi morrendo a cada dia mais lá dentro e não deixaram nem o meu irmão ir visitar ele. Deixaram o advogado entrar, mas não deixaram o meu irmão ir conversar com o meu pai”, disse um dos filhos do detento.

A família pede justiça e que o caso seja esclarecido.

Nossa equipe entrou em contato com Presídio de Tupaciguara, que não se pronunciou sobre o caso. Já a assessoria de imprensa do Sistema Prisional informou que está apurando o caso e até o momento não tivemos retorno do posicionamento.

Postado originalmente por: Portal V9 – Vitoriosa

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: