Jovem é morto a facadas durante discussão e 3 suspeitos são presos em Uberaba

O corpo foi encontrado ao lado de um campo de futebol (Imagem: Polícia Militar/Divulgação)

Um jovem, identificado como Diego Henrique de Jesus Camargos, de 26 anos, foi morto na madrugada desta quinta-feira, 17. O corpo foi encontrado pela manhã nas proximidades de um campo de futebol no Bairro Nossa Senhora de Lourdes, em Uberaba. Três suspeitos, de 31 e 34 e 57 anos, foram presos por suspeita de envolvimento no homicídio.

A Polícia Militar (PM) recebeu denúncias de populares informando a presença de um corpo com ferimentos no pescoço e sinais de sangue coagulado. Uma guarnição foi até o local e encontrou a vítima sem sinais vitais e ferimentos de facada no lado direito do pescoço, além de uma grande mancha de sangue na região do tórax.

Enquanto a Perícia Criminal fez os trabalhos de praxe, os militares levantaram informações para descobrir os autores do crime. Por meio de imagens de câmeras de segurança da região, os policiais verificaram que, por volta da 1h30, a vítima estava caminhando na Avenida Padre Eddie Bernardes da Silva, nas proximidades de onde foi encontrado morto. Ele entrou em uma casa e minutos depois um dos suspeitos foi visto saindo do imóvel e entrando em outra residência vizinha. Em seguida, Diego saiu do local com o ferimento no pescoço, e na sequência um segundo suspeito saiu da casa.

Em posse das imagens, policiais foram até a casa em que a vítima saiu ferida. O primeiro suspeito foi abordado e confirmou ter estado no local com Diego. Ele tentou explicar a situação afirmando ter sido uma discussão entre a vítima e o padrasto dele. Minutos depois, o homem começou a entrar em contradição no relato e começou a dizer: “pode me prender, foi eu mesmo”. Policiais acreditaram que ele estava tentando assumir a culpa para livrar outra pessoa.

(Imagem: Polícia Militar/Divulgação)

Militares foram atrás do segundo suspeito, que saiu da casa após a vítima. Ele foi encontrado em casa e tinha guardado as peças de roupa utilizadas durante a madrugada. A guarnição constatou que o tênis usado estava com respingos de sangue. O material foi apreendido e levado para perícia. O homem foi questionado sobre ter saído do imóvel logo após Diego ter ido embora com ferimentos no pescoço. Inicialmente, o suspeito negou ter ido até a residência, mas após ver as filmagens, disse que não se lembrava de nada porque estava sob efeito de bebidas alcoólicas e drogas.

Os dois suspeitos foram presos, assim como padrasto possivelmente envolvido em uma briga com a vítima minutos antes do homicídio. Eles foram encaminhados para Delegacia de Polícia Civil (PC) e o caso será investigado.

A faca utilizada no crime foi apreendida.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Postado originalmente por: Portal V9 – Vitoriosa

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: