PC dá detalhes de socorro às vítimas da tragédia com ônibus que caiu de ponte na BR-381

Confira abaixo as informações divulgadas pela Polícia Civil:

ACIDENTE BR-381

Compilado de informações:

Local: Ponte Torta, BR-381, entre João Monlevade e Nova Era

Horário: Primeiro chamado por volta das 13h30

Recursos empregados:

– CBMMG: Cerca de 40 militares, incluindo guarnições terrestres e aéreas, 2 helicópteros Arcanjo, 9 viaturas;

– PCMG: 1 helicóptero, 3 rabecões, médicos legistas, peritos, investigadores e auxiliares de necrópsia;

– PMMG: 12 policiais militares, 5 viaturas e 1 aeronave Pegasus;

– GMG/Defesa Civil: 5 militares e 2 viaturas.

Envolvidos: 46 pessoas, dos quais:

Óbitos: 17

Vítimas transferidas: 3 (1 pai e seus 2 filhos, transferidos via aeromedica pelos helicópteros Arcanjo, do Corpo de Bombeiros, e Pegasus, da Polícia Militar, para o HPS João XXIII, em Belo Horizonte)

Vítimas que estão no hospital Margarida, em João Monlevade: 24 pessoas

Vítimas que não necessitaram de atendimento médico: 3 (faziam parte de um grupo de 6 pessoas que pularam antes que o ônibus caísse)

CBMMG: O veículo, que vinha de Sta Cruz do Deserto, povoado de Mata Grande/AL, saiu às 9h de 3/12 e seguia rumo a São Paulo/SP. Quando estava passando pela ponte, no sentido Belo Horizonte da pista, perdeu o controle do veículo após suposta falha mecânica no freio, chocando seu retrovisor com um caminhão que estava no local. Nesse momento, o condutor gritou que havia perdido os freios e o ônibus começou a voltar de ré, descontrolado, batendo na proteção lateral da ponte. Nesse momento, 6 pessoas conseguiram pular do ônibus antes que ele caísse, incluindo o motorista, que ainda não foi localizado. O ônibus caiu às margens da Estrada de Ferro Vitória Minas e do rio Piracicaba, de uma altura aproximada de 23 metros segundo a medição feita pelos peritos. O CBMMG imediatamente iniciou as manobras de extricação e atendimento pré-hospitalar das vítimas. Durante o içamento do ônibus, foi encontrada uma vítima com vida que estava dentro do banheiro, que não resistiu aos ferimentos e faleceu a caminho do hospital. Foi realizada a evacuação aeromédica das 3 vítimas mais graves que estavam no hospital Margarida para o HPS Joao XXIII e não há previsão de novas transferências interospitalares hoje. Todas as vítimas já foram retiradas do local e os corpos foram encaminhados ao IML de João Monlevade.

PCMG: A PCMG instaurou inquérito para investigar as causas do acidente minutos depois do fato. Todos os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal, André Roquette, em Belo Horizonte. O objetivo é dar conforto às famílias em relação ao atendimento realizado no momento de liberação dos corpos, por meio do serviço social, além de facilitar a logística no momento da retirada, já que, nenhuma das vítimas é de João Monlevade. Os trabalhos de necropsia vão se estender durante toda a madrugada.

Em relação às condições documentais do veículo, a PCMG informa que o fato está sendo investigado.

GMG/Defesa Civil: O Gabinete Militar do Governador, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, assim que soube do acidente, prontamente enviou uma equipe para auxiliar nas ações de resposta ao acidente. Foi criada uma força-tarefa, com as demais forças de segurança do Estado (PMMG, CBMMG e PCMG), que possibilitou o socorro rápido das vítimas. O trabalho integrado tem contribuído com ações eficientes de todos os órgãos do Estado.

PMMG: A Polícia Militar de Minas Gerais, acionada via 190 por populares que presenciaram os fatos, foi a primeira Instituição a chegar ao local e adotou medidas iniciais como coleta de informações sobre vítimas e dinâmica do acidente e repassou para os demais órgãos para subsidiar a tomada de decisões, estabelecimento da área de estacionamento, apoio no socorro às vítimas, isolamento do local do acidente e participação no gabinete integrado. Além do apoio por terra, a Instituição empregou helicóptero Pegasus para transporte de uma das vítimas para o Hospital João XXIII. A Instituição permanece no apoio às ações decorrentes ainda desencadeadas no local dos fatos pelos demais órgãos.

Postado originalmente por: Portal V9 – Vitoriosa

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: