Suspeito de matar mulher no Santa Mônica é preso em menos de 24h do crime

Jhonnathannyel dos Reis Freitas, de 22 anos, foi preso pela Polícia Militar (PM) na noite desta sexta-feira, 23, suspeito da morte violenta de Cláudia Simone de Oliveira, de 46 anos, na casa da vítima, na Rua Antônio Souza de Franqueiro, no Bairro Santa Mônica, em Uberlândia.

O crime foi registrado nas primeiras horas da madrugada do mesmo dia. Na viatura Jhonnathannyel conversou com a nossa equipe e negou o crime. Ele disse que realmente esteve na casa de Cláudia, mas apenas para fumar maconha com ela. “Todo dia eu ia lá fumar com ela. Eu e um parceiro dela ia também. Inclusive é o que achou ela lá. Era 22h e pouco, meia noite que eu fui fumar com ela lá e fui embora pra minha casa dormir.”

De acordo com o sargento Denis Melo, responsável pela ocorrência, no momento da prisão o rapaz contou uma versão por ter estado na casa da vítima, mas com a chegada da guarnição ele contou outra. E no momento de ser entregue ao delegado contou uma terceira versão dos fatos. “Num primeiro momento falou que não conhecia ela. Depois falou que conhecia e fazia uso de drogas com ela. E em análise aos vídeos que obtivemos na vizinhança deu pra nós o entendimento de que ele tem sim relação com este fato.”

Jhonnathannyel tem várias passagens policiais, entre furto tentado, dois crimes de trânsito e um homicídio consumado.

Cláudia trabalhava em um local de jogatina no Bairro Aparecida, em especial Bingo, e estava tendo problemas no serviço, segundo o ex-marido. Ele disse que a mulher estaria sofrendo ameaças do proprietário do local.

Repórter no local: Léo Carvalho

Mulher é assassinada a facadas no pescoço no Bairro Santa Mônica

Postado originalmente por: Portal V9 – Vitoriosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: