Gestores promovem segurança da informação, sustentabilidade e transparência por meio da digitalização de documentos

Em um mundo cada vez mais ambiental, toda e qualquer iniciativa que contribua para esse fim é totalmente válida e louvável. Basta imaginar os danos que causamos, como por exemplo, com o uso excessivo de folha de papel, ao meio ambiente e o quanto este tem nos cobrado.

Trocar o consumo de descartáveis por retornáveis, diminuir a
produção de lixo e evitar desperdícios são, entre outras, atitudes conscientes
que têm sido promovidas visando a busca pela sustentabilidade e consciência
ambiental.

Outra atitude que tem grande relevância na promoção de
ambientes mais agradáveis e sustentáveis é a diminuição no consumo de papel e
consequentemente de espaço nas empresas. Contudo, um bom sistema de gestão
digital é necessário para tornar tal atividade possível.

Já imaginou a dificuldade para um servidor público encontrar
toda a documentação de um processo em seu setor? Imagine quanto tempo será necessário
para encontrar um projeto de lei feito em 1999, por exemplo. Agora pense em um
escritório de advocacia ou de contabilidade com todo este acúmulo de papel.

Todo este trabalho se torna mais fácil com o auxílio de uma
tecnologia super inovadora que digitaliza todos os documentos de uma
instituição e cria uma estrutura de controle e busca, reduzindo custos,
otimizando tempo, eliminando a burocracia, criando um banco de dados
estruturado, socializando informações, facilitando o acesso e a transparência e
impedindo o acumulo de toda aquela papelada no espaço físico de trabalho.

A opção mais comum nestes casos tem sido a DIGITALGOV, uma
empresa de inovação tecnológica que atua diretamente na digitalização de
documentos, no setor público e privado.

Segundo Warley Luciano, Administrador da DIGITALGOV, essa plataforma foi criada para facilitar a vida dos gestores. “É muito estressante você ter que achar um documento, um ofício, um processo num amontoado de documentos. É buscar uma agulha no palheiro”, explica.

Adotado em várias prefeituras e câmaras de vereadores de Minas Gerais e numa série de empresas, a DIGITALGOV está revolucionando o jeito de armazenar e gerir informações. Para o Presidente da câmara de Ferros, Professor Carlinhos a plataforma facilitou demais o trabalho dos servidores e está gerando até menos estresse.

“Eu sempre me preocupei muito com a conservação de todos
documentos aqui da câmara, e como temos livros e documentos muito antigos com o
passar do tempo vão se perdendo e com isso perdemos também nossa história. A
DIGITALGOV nos permitiu perpetuar nossa história”, afirma.

O vereador e presidente da Câmara de Ponto dos Volantes,
Pingo da Farmácia, reitera a importância da DIGITALGOV para os servidores e os
vereadores daquela Casa.

“Nossa, pra gente procurar um documento aqui era um desgaste
absurdo, uma demora e alguns servidores que possuem algum tipo de alergia
passavam dias enfermos, produzindo menos e com um péssimo humor. Com esse
sistema, a coisa mudou de figura. É um avanço que temos, aliás uma conquista
que alcançamos, ressalta.

Warley ressalta que a grande vantagem do sistema GED da DIGITALGOV é a sua constante atualização, tanto a tecnologia quanto a programação dos softwares de gestão são mantidos nas versões mais recentes.

“Nós prezamos pelo atendimento mais digno aos nossos clientes, tanto que investimos muito para disponibilizar todos os módulos necessários para a completa gestão digital de documentos.” Comenta o administrador. “Nossos clientes já contam com os módulos de assinatura workflow e indexação automática de documentos, uma vantagem que além da DIGITALGOV poucos sistemas oferecem”.

Sem dúvidas, gestões eficientes só são possíveis quando as informações são tratadas com segurança, agilidade e eficiência. Acesso online, controlado e descomplicado sem barreira de tempo e lugar. É o que a DIGITALGOV promove a seus clientes, eficiência e eficácia, acessibilidade e descomplicação.

Quer saber as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão? Siga-nos no Facebook @aconteceunovale, Twitter @noticiadosvales e Instagram @aconteceunovale.

Postado originalmente por: Aconteceu no Vale

%d blogueiros gostam disto: