Ameaça de surto de sarampo é a maior dos últimos 20 anos em Minas

Um boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) apontou que em apenas uma semana, Minas Gerais apresentou um aumento de 40% no número de pessoas com sarampo. Ainda de acordo com a pasta, no estado, há 288 casos suspeitos da doença que estão sendo investigados.

A cidade mineira que mais apresentou casos da doença foi Uberlândia, no Triangulo Mineiro, com 10. A doença também foi confirmada em Belo Horizonte, Contagem, Betim, Juiz de Fora e Pedralva. Neste ano, Minas Gerais apresenta uma ameaça de surto maior do que nos últimos 20 anos.

Todos os casos confirmados nos municípios foram detectados através de critério clínico-epidemiológico, que são sinais e sintomas característicos do Sarampo. Somente na capital mineira, nessa terça-feira (10), quatro postos de saúde que receberam pessoas com suspeita da doença tiveram as atividades interrompidas.

No mesmo dia o Hospital Mater-Dei, também em Belo Horizonte, teve que suspender os atendimentos por cerca quatro horas por conta de um caso suspeito de sarampo no Pronto-Socorro.

A doença infecciosa aguda grave é transmissível e, geralmente, é mais comum na infância. Seus sintomas são febre, manchas vermelhas pelo corpo, tosse, coriza, rinite aguda e fotofobia (aversão à luz), entre outros.

A transmissão acontece através de secreções presentes na fala, espirros e tosse de pessoa para pessoa.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: