Vida eterna: homem paga empresa para manter seu cérebro em computador

Um bilionário do Vale do Cilício pagou mais de R$ 30 bilhões para manter seu cérebro conectado a um computador após sua morte. O homem agora entra para a fila das pessoas que esperam para manter o cérebro preservado em um computador. É a esperança para a vida eterna.

O bilionário é Sam Altman, um investidor da área de tecnologia. Agora ele faz parte da lista de espera da empresa NecTome. A start up promete programar um cérebro em um computador no futuro, permitindo uma vida online eternamente.

Segundo o jornal britânico Mirror, a proposta da start up é embalsar o cérebro dos seus clientes, ainda vivos, para que quando a tecnologia estiver disponível, as informações sejam repassadas a um computador.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: